Uma comédia depressiva sobre o teatro, a TV e a sobrevivência em São Paulo.

direção RUBENS REWALD

codireção ROSSANA FOGLIA

produção LEONARDO MECCHI

com

MARAT DESCARTES

JAIR RODRIGUES

CLARISSA KISTE


premios

ÚLTIMAS

EXISTE AMOR EM SP

Na Revista de Cinema, texto de Heitor Augusto sobre SUPER NADA: “A ambiguidade já está no título: “Super Nada”. De [...]

“NÃO TÁ FÁCIL PRA NINGUÉM!”

Texto publicado na revista Retrato do Brasil (www.oretratodobrasil.com.br), no. 70 (nas bancas no dia 10/05) Em “SuperNada”, o roteirista e [...]

Super Nada no Correio Braziliense

Super Nada estréia em Brasília e o Correio Braziliense publicou um texto sobre o filme: “Super Nada é uma demonstração [...]